Categoria

Arraial do Cabo

Categoria

Conheça as praias, o clima da cidade, os pontos turísticos e, à noite, prepare-se para se deliciar, bem como se divertir nos restaurantes e bares locais

Sua viagem para Arraial do Cabo ou pelo Caribe Brasileiro, como é chamada essa cidade do Rio de Janeiro, será completa com os detalhes da cidade que conhecerá ao longo desse conteúdo!

E se está pensando que vamos falar muito de praias, está certo, mas não é só isso. Arraial do Cabo é um verdadeiro tesouro turístico, apresentando opções de lazer diversas, o que significa que todos os turistas podem aproveitar a estadia nesse paraíso!

Primeiramente, conheça um pouco sobre o desenvolvimento dessa cidade – ela é milenar! 

História de Arraial do Cabo – RJ

Há cerca de um milhão de anos, três ilhas, que hoje levam o nome de praias de Arraial do Cabo, se formavam: Morros do Mirante, do Forno e Pontal do Atalaia. Mas foi apenas há cerca de cinco mil anos que os primeiros habitantes, nômades por natureza, chegavam nessas terras.  

Já na história mais recente, os moradores de Arraial do Cabo, assim como em todo o Brasil, eram predominantemente indígenas, mais especificamente os tupi-guaranis. Posteriormente, se apresentando como local de desembarque do navegador e descobridor da américa, Américo Vespúcio, essas terras receberam os imigrantes portugueses e tiveram um “boom” populacional. 

Então, a partir de 1616, a cidade foi nomeada de Nossa Senhora da Assunção de Cabo Frio e nesse momento já havia se tornado ponto importante por seu desenvolvimento e por ser rota estratégica para conquistas nesse território. 

Hoje, Cabo Frio e Arraial do Cabo são independentes uma da outra, sendo duas distintas cidades do Rio de Janeiro. 

Melhores lugares para ficar em Arraial do Cabo 

Guia Arraial do Cabo: Onde ficar

Se está certo de que viajará para Arraial do Cabo, chegou o momento de escolher o lugar onde ficará, segundo suas necessidades e objetivos! 

Centro: assim como o centro de todos os lugares, o de Arraial do Cabo conta com uma boa infraestrutura, ou seja, além de ficar perto das principais praias: Praia Grande, Prainha e Praia dos Anjos, possui ao redor uma rede de estabelecimentos variados, como: bares, restaurantes, farmácias e assim por diante.

Praia dos Anjos: se o ponto alto da sua viagem serão os passeios náuticos e mergulhos, essa praia é estratégica para você, pois é de lá que saem as lanchas e barcos. 

Praia Grande: seu nome já diz tudo, visto que essa praia é extensa de modo que as paisagens são bem diferentes. Por exemplo, a parte que fica mais perto do centro é mais urbanizada, com edifícios e muitas opções de bares e restaurantes, enquanto no outro extremo apresenta um visual natural, com a presença de dunas. 

Pontal do Atalaia: seu grande diferencial são as paisagens, que podem ser apreciadas sob diversos ângulos, a exemplo do mirante, de onde é possível ver a cidade e a praia do alto. Já na parte debaixo do pontal, também há uma praia, a Praia Brava e as prainhas, verdadeiros tesouros naturais – as águas são azuis e cristalinas.  

Quando ir para Arraial do Cabo

Alta e baixa temporada em Arraial do Cabo

O clima é importante com certeza, mas no caso de Arraial outro ponto certamente influenciará na sua decisão de quando ir para lá: é a época de alta e baixa temporada! Ao ter noção dos períodos em que a cidade enche mais, é possível também escolher a data em que os passeios e passagens estarão mais em conta.  

Guia Arraial do Cabo: Alta temporada

Não é nenhuma novidade que do Natal até a semana santa e outros feriados prolongados são verdadeiros chamarizes para os turistas, então provavelmente você encontrará filas nos estabelecimentos e muita gente praia. Ou seja, se o seu foco é agitação, conhecer gente nova e curtir a noitada, pode apostar nessas datas e nos fins de semana do verão. 

Agora, se com a viagem para Arraial do Cabo – RJ tiver o intuito de criar um clima de tranquilidade, para você os melhores dias são os da semana (estes fora do feriado). Portanto, para fazer aquele passeio de barco famoso ou tirar fotos das praias sem se preocupar com a muvuca, essa alternativa é a ideal. 

Condições climáticas em Arraial do Cabo

O melhor mês para ir a Arraial do Cabo também pode ser definido a partir do índice de turismo e de praia. Assim, o visitante poderá aproveitar as praias paradisíacas em seu estado mais perfeito: com céu aberto, azul, Sol brilhando e altas temperaturas.  

Para quem quer praticar atividades ao ar livre, mas não gosta de fritar no Sol, do início de maio ao fim de setembro, encontrará a data certa, pois a temperatura varia entre 18ºC e 27ºC e os dias são pouco encobertos, além das chances de chuva serem baixas. 

E para quem gosta de ir para praia logo cedo e ficar até o fim do dia torrando, pegando aquele bronze, escolher um fim de semana dentro do período de início de abril ao final de junho ou de meados de agosto até o começo de setembro será assertivo! Nessas datas, as médias de temperatura costumam ser mais altas, chegando a 32ºC e geralmente não ficam abaixo de 24ºC. 

Clima da cidade de Arraial do Cabo

Guia Arraial do Cabo: Clima

E sabe quando bate aquela vontade de viajar, mas não quer precisar ficar escolhendo a data perfeita? Em Arraial do Cabo, você está liberado dessa pesquisa! O ano inteiro é uma boa época para ir para Arraial do Cabo, pois o seu clima é o Tropical, cujas duas estações do ano são bem definidas: o verão quente, com chuvas e céu com mais nuvens e o inverno seco, ainda assim abafado. 

Quanto às temperaturas, costumam girar em torno de 20ºC (mais baixa) e 31ºC (mais alta). E vamos além, sobretudo para os amantes de mar seja para praticar o surf, mergulhar, boiar ou apenas molhar os pés, informando sobre a temperatura da água em Arraial do Cabo. O melhor mesmo é cair de cabeça na água para não sentir frio, pois a verdade é que ela costuma ser bem fria, apesar da sua beleza incrível!  

Mais uma condição que pode impactar no aproveitamento da viagem são as chuvas. Em Arraial do Cabo, do final de outubro ao início de abril (pouco mais de 5 meses) é o período em que mais chove – as chances de chuva em um dia são de 35%. Já os meses mais secos são do começo de abril até outubro, sendo que a porcentagem mínima é de 16%. 

Agora que já sabe tudo sobre o clima de Arraial do Cabo, é só escolher a data que atenderá as suas expectativas e separar a roupa de banho! Mas lembre-se: é sempre bom levar o guarda-chuva. 

O que fazer em Arraial do Cabo 

Você pode selecionar uma ou duas praias para curtir os dias relaxando, apreciando a paisagem, caminhando com os pés na areia, pegando um bronze, tomando uma água de coco, ou descobrir as muitas praias que existem ali e explorar as atividades aquáticas (passeios de barco, mergulho e surf são exemplos destas). 

Por outro lado, há ainda outras opções, como: visitar os museus (Museu Oceanográfico) e centros culturais da cidade (Centro Cultural Manoel Camargo e Casa da Poesia Victorino Carriço), bem como os principais restaurantes, sobre os quais vamos comentar mais adiante. 

Passeios em Arraial do Cabo

Como já viu, as grandes atrações de Arraial são as praias belíssimas! Mas se está pensando que é só isso, pode voltar duas casas. A história da cidade também é um prato cheio para que os turistas fãs de passeios culturais. 

Exemplo disso é o seu Centro Histórico e os museus, que têm propostas muito ricas para os que querem variar as atividades diárias, visto que o primeiro conta um pouco da história da cidade por meio das construções antigas (muitas delas são do século 19) e a segunda opção engloba o Museu Oceanográfico e o Centro Cultural Manoel Camargo. 

E, claro, jamais poderíamos esquecer dos tão populares pontos turísticos, como: a Igreja Nossa Senhora dos Remédios, o Marco Histórico e a Casa Piedra.  

O que fazer em Arraial do Cabo de dia

Guia Arraial do Cabo: Passeios

Essa lista só poderia começar com as praias do caribe brasileiro, que, muitas vezes, acabam sendo o principal passeio do dia. Não é para menos, afinal, a maioria tem uma paisagem deslumbrante: águas azuis e esverdeadas transparentes, areia mais clara e são personalizadas – enquanto algumas são mais urbanizadas, outras revelam uma natureza intocada. 

Isso é super bacana, pois há opções para quem curte um ambiente paradisíaco, com um visual mais rústico, propícia para quem quer relaxar em meio ao som das ondas do mar e apreciar a natureza – características da Ilha do Farol –, e para quem gosta mesmo é de agitação, também há alternativas ótimas, com uma infraestrutura de cidade grande, com variados estabelecimentos instalados – vá até a Praia Grande e confira. 

E se tem poucos dias para conhecer todo potencial de Arraial, não se preocupe, pois há um caminho para visitar várias praias: é o passeio de barco, que leva cerca de quatro horas em pleno alto mar, ou seja, se tem enjoo já deixe separado o remédio. O ponto de partida é a Praia dos Anjos e a rota passa pela Praia do Farol, Prainhas do Pontal do Atalaia, pela Gruta Azul e pela Praia do Forno. 

Mais um detalhe desse passeio é que você pode escolher o tipo de embarcação: uma mais simples ou mais extravagante – estas possuem até bar e toboágua que leva direto para o mar! Diversão garantida.  

Já falamos sobre algumas delas acima, quando elencamos os melhores lugares para ficar em Arraial do Cabo, então a seguir você conhecerá outras: 

  • Praia do Forno: o acesso para ela se dá por meio de trilha – calma, pois ela é tranquila para quem não tem muita prática na atividade – ou de barco e sua paisagem chama a atenção por ser formada pelas águas cristalinas e por montanhas com muito verde.  
  • Ilha do Farol: Diferentemente do que poderá fazer nas outras praias, na do Farol, você não pode curtir o dia inteiro, pois há um limite no número de visitantes e estes só têm 45 minutos para ficar lá, o que vale muito a pena, pois a paisagem é simplesmente incrível e ainda há a chance de ver de perto animais marinhos, como golfinhos, tartarugas e arraias. 
  • Praia Brava: considerada uma das mais selvagens, a praia Brava também é acessada por uma trilha, o que já é um chamariz por si só para quem gosta de aventuras. Além disso, normalmente, ela está vazia, o que deixa o cenário ainda mais paradisíaco! Imagine só ter aquela extensão de areia e infinito mar cristalino só para você!

Se as praias já te deixaram animado, agora você terá a chance de completar o roteiro com passeios culturais. No Centro Histórico você conhecerá a Igreja Nossa Senhora dos Remédios, uma das primeiras do país, a Casa de Poesia Victorino Carriço, que sedia saraus, shows de música e outros eventos culturais, bem como o marco histórico da cidade, por trás do qual há uma história muito importante: é o local onde o navegador Américo Vespúcio, quem é considerado o descobridor das américas, aportou.

E tem mais! Em Arraial do Cabo, visite também o Museu Oceanográfico, onde o turista conhecerá um amplo acervo composto por animais, organismos marinhos e equipamentos utilizados para estudar a fauna e flora da cidade. Curioso, hein?    

Mais uma opção para o turista entrar em contato com arte é a Casa de Poesia Victorino Carriço – leva o nome de ninguém menos do que o compositor do hino da cidade –, que guarda em sua biblioteca cerca de 800 livros. 

Outros lugares populares são o Centro Cultural Manoel Camargo, cujo espaço abriga uma sala de exposições com quadros e esculturas, o Anfiteatro Miguel Barreto e o Museu Regional Castorina Rodrigues Martins, além de também receber apresentações de música e de teatro, e e a Casa Piedra – Centro Cultural e Gastronômico.  

Que tal esse combo para curtir os dias em Arraial do Cabo – Rio de Janeiro: praias + centros culturais + Museu Oceanográfico = Uma viagem com muitas fotos e momentos de reflexão. 

E, para completar, você fica com a parte gastronômica, musical e que podem ser boas programações noturnas: bares e restaurantes. 

Bares e restaurantes de Arraial do Cabo 

À noite, além de aproveitar o clima tranquilo da cidade (em períodos de baixa temporada), é fato, você também vai se deliciar com a gastronomia local. 

Confira cinco bares e cinco restaurantes da cidade de Arraial do Cabo:

Bares em Arraial do Cabo

  • República Pub: com música ao vivo e um belo cardápio de drinks, hambúrgueres e petiscos, esse é o lugar perfeito para ter uma noite agradável. Você pode optar por ficar na parte de dentro ou pegar uma das mesinhas ao ar livre.     
  • Espaço Cultural Mestizo: se é eclético no que diz respeito à música, esse é o lugar perfeito para você, pois os ritmos vão do reggae ao MPB, passando por samba e forró. Outro atrativo é a vista, afinal, de seu deck é possível ver a linda paisagem da Praia Grande.  
  • Point Calamares: música ao vivo, drinks e boa comida! Entre os carros-chefes estão o Mojito, mexilhão com torradas, camarão e ostras frescos e os pratos à base de frutos do mar. Ah, e as mesas têm vista para a praia também! Saboreie suas iguarias e sinta a brisa do mar. 
  • El Farol Bar: a dica é curtir os petiscos (pizza, hambúrguer e frutos do mar) e drinks no ambiente com clima praiano. 
  • Bar do Mazinho: harmonize aquela cerveja gelada com o seu famoso pastel de bacalhau ou prove um dos seus pratos principais, o aipim com carne seca. Hum… Delícia, hein!? 

Restaurantes em Arraial do Cabo

  • Restaurante Saint Tropez: os frutos do mar são usados em receitas brasileiras e francesas, compondo mais de 20 pratos com esses ingredientes! Algumas sugestões são o peixe na chapa, peixe à baiana com pirão e arroz e o filet de peixe à milanesa.  
  • Restaurante Pimenta Rosa Grastronomia: a decoração certamente lembrará ao turista que ele está na praia, trazendo um clima “rilex”. E sua especialidade também são os frutos do mar – experimente o torresmo do mar! Outro ponto positivo é que os pratos são bem servidos, então é uma boa ir para esse restaurante com fome! 
  • Bacalhau do Tuga: como já era de se esperar, a especialidade desse estabelecimento é a aclamada comida portuguesa, então não deixe de experimentar o bacalhau, é claro, em harmonia com um dos vinhos da casa. Sem falar também dos pratos com frutos do mar, como o arroz cremoso de lula com camarões e a lula cabista recheada. 
  • Astral Beach Food: os pratos desse restaurante são lindos, completamente “instagramáveis”! Exemplos disso são o Poke Philadelphia, Poke Maçarico e os seus hambúrgueres. Variedade interessante, não é? Mas não pare no salgado, pois a parte de sobremesas dá água na boca! Que tal um cheese cake com cobertura de morango e amora?   
  • Churras Burguer: e falando em carnes no geral, não poderíamos deixar de citar esse restaurante que tem como enfoques pratos que usam esse ingrediente como protagonista e de diversas formas! Se o seu negócio é devorar um hambúrguer ou apreciar um belo churrasco, experimente.

Com tantas informações, lugares e dicas, sua viagem para Arraial do Cabo está planejada! Agora, só falta mesmo escolher a data e colocar o pé na estrada para curtir esse roteiro incrível e repleto de belezas naturais, sabores, cultura e, claro, clima praiano. 

LEIA MAIS NO TÔ DE PASSAGEM:

O que fazer no Rio de Janeiro
Melhores praias do Brasil
Bate E Volta no Rio De Janeiro: 10 Locais para Conhecer