Tudo vai passar. Não sabemos quando nem como, mas tudo vai ficar bem. O cenário ainda é incerto, mas a verdade é que, cedo ou tarde, a pandemia chegará ao fim, e enquanto as autoridades, cientistas e médicos trabalham numa solução, pensar de forma positiva pode ser uma forma de amenizar a sensação de desânimo e angústia ao longo desta quarentena. 

É claro que não devemos fingir que está tudo bem, portanto, devemos ser realistas e coerentes com o período em que vivemos. Mas nada nos impede de tentarmos trazer uma sensação positiva para dentro de nós, certo? Com certeza! 

Sensações positivas, inclusive, podem ser muitas coisas! Pode, por exemplo, ser uma viagem marcante que você fez antes da chegada do novo coronavírus no país. Você lembra qual foi sua última viagem? Foi uma viagem para visitar a família? Uma viagem romântica ao lado da pessoa que você mais ama? Ou será que foi uma viagem mais aventureira ao melhor estilo mochilão? 

Não importa qual o tipo de viagem, afinal, para cada estilo de viagem há um destino esperando por você. A verdade é que o simples ato de viajar é libertador! Começar a planejar a próxima viagem após quarentena, então, pode trazer aquela sensação gostosa e nostálgica para dentro de nós. Lembra? Aquela vontade de simplesmente planejar tudo, arrumar as malas e viajar!

Nesta publicação, portanto, você confere algumas dicas sobre como planejar a sua viagem após quarentena. São dicas bem importantes para você possa voltar a viajar com responsabilidade e segurança! Vamos lá: 

Como planejar a sua viagem após a quarentena

1. Valorize o turismo nacional

Quando falamos sobre viajar pelo Brasil, destino é o que não falta, certo? Há muita beleza e diversidade no “quintal de casa”, onde você com certeza encontrará um tipo de viagem que melhor atenda ao seu perfil de viajante. 

Se você procura contato direto com a natureza, por exemplo, os melhores destinos de ecoturismo estão no Brasil. Praias, então, nem se fala. São tantas paradisíacas e cada uma com sua particularidade. Prefere uma viagem gastronômica? Tem destino que é para deixar você com água na boca! Ah, e por fim, mas não menos importante: dá pra viajar pelo Brasil gastando pouco. Sempre muito bom, né?

Portanto, procure valorizar o turismo nacional, sobretudo destinos próximos à sua cidade, ao invés de viajar para fora do país, que, claro, é sempre muito legal e marcante. Mas pense bem: será que é o ideal querer fazer uma viagem internacional, mesmo depois da quarentena? 

Para realizar uma viagem para o exterior é importante lembrar que, mesmo quando encontrarem tratamento ou vacinação contra o coronavírus, isso não significa que você poderá viajar normalmente, isto é, como era antes da pandemia. 

Isso porque não é garantido que todos os países abrirão totalmente suas respectivas fronteiras, sem mencionar a possibilidade de determinadas rotas estarem fora de operação. Portanto, mesmo que você verifique que a fronteira não está fechada para brasileiros, tome os cuidados necessários e consiga viajar, nada impede que uma nova quarentena em qualquer país do mundo seja decretada a qualquer instante e, como consequência, você pode não encontrar voos para retornar ao Brasil. 

Para evitar possíveis transtornos, então, tenha preferência por destinos no Brasil. É claro que o cenário pós-quarentena requer muitos cuidados, tanto para uma viagem no exterior quanto para uma viagem no Brasil. Entretanto, viajar localmente acaba sendo não apenas mais seguro, como também mais acessível em caso de qualquer contratempo. 

Se você decidiu que sua primeira viagem pós-pandemia será em território brasileiro, preferencialmente destinos próximos à sua cidade, então fica a pergunta: qual o melhor destino para viajar após a quarentena? Confira nossa próxima dica!

Turismo nacional

2. Escolha destinos em meio à natureza ou praias desertas

Mesmo no cenário pós-pandemia, evitar aglomerações continua sendo uma dica valiosa. Portanto, procure evitar grandes centros urbanos e dê lugar às cidades pequenas, que com certeza podem oferecer uma ótima experiência de viagem, sobretudo se as principais atrações turísticas sejam em meio à natureza. 

Você deve estar se perguntando: mas por que natureza? Além de ser uma oportunidade de você se desconectar, tirar folga da rotina e simplesmente descansar, destinos em meio à natureza, isto é, a céu aberto, é uma forma de você evitar contato com um número grande de pessoas, uma atitude recomendável mesmo que a quarentena já tenha se encerrado. 

É claro que estar ao redor de outras pessoas também é muito legal, mas, como medida preventiva, pode ser uma boa evitar destinos com ambientes cheios, fechados e sem ventilação até tudo voltar ao normal. Sendo assim, priorize destinos que ofereçam opções de parques e atividades em cenários naturais. 

Agora, se você está com saudade de colocar os pés na areia e dar aquele mergulho, praias também podem ser uma boa opção no momento de planejar sua próxima viagem após a pandemia. Mas lembre-se: opte pelas praias mais afastadas de grandes centros, em que você possa curtir ao ar livre e sem se preocupar com aglomerações. 

Ah, e muito importante: lembre-se, durante o planejamento de sua viagem, de verificar como está a situação pós-quarentena em cada região, assim como a situação de cada atração turística. A etapa de pesquisa é um fator muito importante para uma viagem segura e tranquila.

Por fim, se depois dessas dicas você já sabe qual será o destino de sua viagem pós-quarentena, então chegou a hora de você pesquisar e comparar os melhores preços e horários de passagens, e a ClickBus é o lugar mais fácil para isso, com mais de 4 mil destinos à sua disposição. 

Em poucos cliques, seja pelo site ou aplicativo, além de comparar e pesquisar preços e horários, você também confere as opções de empresas de ônibus e classes de serviço. Tudo muito simples e rápido para avançar no planejamento de viagem após a quarentena. 

Destinos em meio à natureza e praias desertas

3. Segurança sempre em primeiro lugar

Ao longo desta pandemia ficou muito claro a importância da higienização para conter a disseminação do vírus. Não à toa, nunca se falou tanto sobre o uso de máscara e álcool gel, por exemplo, entre tantas outras medidas. 

Então, quando a quarentena acabar, tudo bem desconsiderar essas medidas? Muito pelo contrário! Ande sempre com seu álcool gel, e principalmente com sua máscara, já que muitas regiões tornaram o uso obrigatório durante a pandemia, e a medida deve se estender mesmo depois da quarentena. Afinal, cuidado nunca é demais, principalmente se você estiver em ambientes com aglomeração. 

No momento de fechar sua viagem, independente do meio de transporte escolhido, esteja atento às medidas de segurança e à higiene pessoal oferecidas a você. Afinal, você precisa se sentir seguro e tranquilo em todas as jornadas, isto é, quando for comprar sua passagem, no deslocamento em direção à rodoviária ou aeroporto, e antes de seguir viagem, dando preferência para embarcar usando o e-Ticket, por exemplo.    

As empresas de ônibus, por exemplo, têm oferecido assentos separados para assegurar o distanciamento entre pessoas e limpeza pré-viagem, além do processo de embarque acontecer com 1m de distância entre passageiros e o uso de máscara por parte de todos os motoristas. Tudo para que você sinta seguro durante sua viagem. 

Além de verificar as medidas de segurança oferecidas a você, lembre-se dos cuidados próprios, como, por exemplo, não compartilhar objetos pessoais, cobrir a boca e o nariz ao tossir e espirrar, e evitar aglomerações sempre que possível. 

Viajar já não é mais um sonho distante, mas sim uma realidade próxima. Vamos com calma, um passo de cada vez e tomando os cuidados necessários para que tudo volte ao normal – ou, melhor, a um “novo normal”. Colocando essas dicas em prática no momento de planejar a sua viagem após a quarentena, você não apenas mata a saudade de viajar, como também estará fazendo isso de forma segura e responsável. 🙂

Leia Mais no Tô de Passagem:

Como Planejar A Sua Viagem Em Tempos De Pandemia
Como Estão Sendo As Viagens De Negócio Durante A Pandemia?
Ônibus Convencional, Executivo Ou Semi Leito: Qual A Melhor Opção?

Escrever um comentário